Você sabe o que é Gestão de Pessoas?


Pode-se definir gestão de pessoas como sendo a junção de políticas e práticas utilizadas pela empresa que visam obter a colaboração eficaz dos seus colaboradores em prol das metas organizacionais.


É de extrema importância que a empresa possua uma Gestão de Pessoas eficiente, pois a adoção de boas práticas cria um ambiente mais saudável e produtivo garantindo, dessa forma, a obtenção de melhores resultados.


Para que isso ocorra, primeiramente, é necessário compreender quais são os objetivos da Gestão de pessoas dentro da organização. Listamos abaixo os objetivos que acreditamos ser os principais dentro de um ambiente corporativo:


  • Garantir que a empresa tenha um quadro de funcionários motivados, qualificados e engajados;


  • Tornar a empresa mais ética, criando um senso de responsabilidade social por parte dos colaboradores;


  • Elevar o grau de satisfação dos funcionários dentro da organização;


  • Auxiliar a alavancar os objetivos a serem atingidos pela empresa;


  • Auxiliar na coordenação de mudanças organizacionais;


  • Prestar assistência aos gestores em suas atividades administrativas;


  • Auxiliar na maximização da produtividade e na redução dos custos;


  • Promover o gerenciamento de pessoal, de forma a respeitar a diversidade e a integração entre as pessoas.



Em outras palavras a gestão de pessoas, é considerada uma função administrativa que possui por finalidade acompanhar os colaboradores, fazendo com que o mesmo se desenvolva tanto no âmbito profissional quanto no pessoal.


Atuação do Profissional de Gestão de Pessoas



Existem algumas áreas dentro de uma empresa que é necessário ter um olhar maior para os detalhes, visto que pessoas são não somente um meio para o fim, mas são seres com subjetividades e aspectos que é preciso analisar estrategicamente para lidar com eles. São muitos aspectos que podem atrapalhar no rendimento de uma pessoa em seu trabalho, e o RH ou qualquer profissional que trabalhe com pessoas precisa dominar esses aspectos para poder liderar bem uma empresa e poder garantir o sucesso de projetos.


  • Trabalho em Equipe

Não é novidade que o trabalho em equipe é uma parte desafiadora em qualquer lugar, porque envolve lidar com o outro e seus pensamentos e emoções, que podem ser bem divergentes da própria. Por isso, o profissional de RH precisa utilizar estratégias e dinâmicas para facilitar esse convívio, além dos instrumentos de análise de satisfação que normalmente ocorrem dentro de uma empresa, como a Pesquisa de Clima Organizacional, por exemplo.


  • Treinamentos

Uma grande parte do trabalho de gerir pessoas envolve analisar as qualidades e defeitos que o colaborador possui, e encaminhar este para cada vez mais aprimorar a si mesmo em níveis profissionais.

Existem algumas formas disso ser feito, e um exemplo delas é o Plano de Desenvolvimento Individual, em que a pessoa recebe metas e uma organização semanal destas para chegar a uma melhora em algum aspecto, geralmente escolhido pela própria pessoa. Pode ser um treinamento de liderança, um curso de língua estrangeira ou até mesmo um hábito, como organizar a rotina diária ou chegar pontualmente nas reuniões.


  • Comunicação

Um dos grandes pontos dentro do bom convívio numa organização é saber se comunicar bem, e o gestor também deve se atentar para isso. Não somente em quesitos de fala comum, mas principalmente quando é para comunicar o colaborador sobre algo a melhorar em seu desempenho, realizando um feedback assertivo e construtivo, sem criticar ou menosprezar o trabalho, o jeito de nenhuma pessoa.


  • Motivação e Engajamento

Saber lidar com desânimo e poder montar estratégias de engajamento dentro de uma organização também é essencial dentro da área de Gestão de Pessoas. Em um dia-a-dia de trabalho, é bem possível que o colaborador possa se sentir frustrado ou desanimado frente à alguma questão ou tarefa. É papel do gestor garantir que este se sinta valorizado por seu esforço, e promover momentos de imersão e de tempos mais descontraídos para que o estresse diário seja recompensado. Algumas empresas costumam promover eventos de jogos em conjunto ou até mesmo uma sala própria para o descanso dos colaboradores. Mas não somente a descontração é essencial, como também a busca do incentivo ao próprio trabalho de maneira efetiva. Se o colaborador tiver um bom propósito para estar fazendo o que faz, ele provavelmente irá se esforçar para alcançar seu objetivo. É papel do gestor de pessoas alinhar os objetivos pessoais do indivíduo com os objetivos da organização, entrelaçando as missões conjuntas para que todos possam ter vantagens na relação empregatícia, essas que não sejam necessariamente só financeiras.


  • Desenho de cargos

É de extrema relevância que uma empresa tenha definido as funções e especificações para cada cargo, isto é, estipular a hierarquia, as responsabilidades, as soft skills e hard skills necessárias para a ocupação de cada cargo/ função.


Depois dessa leitura, temos a certeza que conseguimos esclarecer algumas dúvidas relacionadas a gestão de pessoas e a atuação do gestor. Caso ainda tenha restado alguma dúvida, não deixe de entrar conosco através da nossa página de contato. E Aí, já se sente mais confiante para implementar as técnicas de gestão de pessoas? Se quiser saber outras formas de melhorar o seu negócio, visite a nossa página de serviços e entre em contato com a gente para marcar sua reunião de diagnóstico gratuita.



Ficaremos felizes em te ajudar!



Para mais dicas e conteúdo como esse, siga @focusconsultoria no Instagram e fique por dentro dos nossos posts.



Gostou do texto?



Curta e comente o post!


Foi útil para você?



Compartilhe com alguém que precisa dessas informações!



Texto por:


Milena Meirelles e Rebeca Moreira


meirellesmilena@iduff.br

rebecavm@iduff.br


14 visualizações2 comentários